sábado, 19 de março de 2016

Um jeito jovem de viver o tempo quaresmal

Como podemos tirar essas ideias de “jejum”, “caridade” e “oração” dos termos abstratos que aprendemos na catequese, para, de fato, vivenciá-las? Precisamos entender o que significa cada convite que nos é feito.
Vivemos, então, tempo de Quaresma! Quaresma que é, para nós, católicos, tempo de preparação para a Páscoa. É um período para refletirmos nossa condição de filhos e filhas de Deus, que somos convidados à Casa de Deus, pois fomos resgatados pelo Sacrifício de Cristo. É tempo de conversão, de mudança de atitudes e pensamentos. Tempo, também, de praticarmos a misericórdia.
Devemos perceber que a conversão que nos é proposta deve ser pessoal-comunitária. “Pessoal”, pois as mudanças a que somos convidados dependem unicamente de nós – de nossa reflexão, de nossa força de vontade, de nossa ação interior –; “comunitária”, pois essas mudanças objetivam a demonstração de amor a Deus, fazendo a diferença na vida de nossos irmãos e irmãs. A liturgia do Evangelho nos propõe, neste período, fortes sinais de vivência de conversão e de fé: por meio do jejum, da caridade e da oração.
E como isso se aplica a nós, jovens? Como podemos tirar essas ideias de “jejum”, “caridade” e “oração” dos termos abstratos que aprendemos na catequese, para, de fato, vivenciá-las? Precisamos entender o que significa cada convite que nos é feito.

Jejum

Tempo de jejum é tempo de penitência. E não falamos aqui apenas do jejum de carne vermelha, sobretudo na Sexta-Feira Santa. O verdadeiro jejum não é o externo, mas aquele que vem de dentro e exige uma mudança de vida.
Nas palavras do padre André Marmilicz, no texto Quaresma: Tempo de jejum, caridade e oração, “os fariseus se vestiam de sacos, faziam cara feia, iam para as praças públicas a fim de serem vistos e observados no seu jejum. Jesus condena esse tipo de jejum e pede aos seus discípulos e ao povo em geral que pratiquem um jejum de alegria, cara bonita, inclusive passando perfume para demonstrar o seu bem-estar. É esse o jejum que agrada a Deus, pois demonstra uma vida interior cheia de vida, de fé e esperança”.
O jejum a que somos convidados diz respeito, então, a algo que abrimos mão de praticar, de comer ou de beber, mas que não seja demonstrado. É o sofrimento interno, calado, rezado, dedicado e oferecido a Deus, que torna nosso jejum quaresmal verdadeira oferenda.

Caridade

“Há maior felicidade em dar que em receber” (At 20,35). Além de nossa oferenda interior, precisamos praticar a caridade: ou seja, gestos concretos de solidariedade em prol dos irmãos mais necessitados. A caridade não pressupõe uma simples doação daquilo que não nos fará falta. É uma caridade intensa, na qual somos chamados a abrir mão “de algo mais”, para distribuir a quem vive em necessidade. Não precisa ser necessariamente dinheiro ou roupas. Há coisas mais profundas e que igualmente podemos doar, como nosso tempo. Temos doado nosso tempo aos nossos irmãos e irmãs? Temos parado nossas atividades para visitá-los e escutá-los?
O Papa Francisco, em uma de suas homilias pascais, conta a pequena história acontecida com padre Pedro Arrupe, superior geral dos jesuítas, entre os anos 1960 e 1980. Um dia, uma rica senhora convidou-o a ir a um lugar para lhe dar dinheiro para as missões no Japão. A entrega foi feita na presença de jornalistas e fotógrafos. O padre disse ter sofrido pela situação, mas aceitou ir e receber a doação, pelos pobres com quem trabalhava. Quando chegou de volta à casa paroquial, abriu o envelope e nele encontrou apenas 10 dólares! Perguntemo-nos, concluiu o Papa, se a nossa “é uma vida cristã de cosmética e de aparência ou é uma vida cristã com uma fé operante na caridade”. Assim, somos chamados a praticar a caridade em silêncio, não havendo por que exaltá-la.

Oração

Na oração, “o cristão ingressa no diálogo íntimo com o Senhor” e deixa que a graça entre em seu coração. Neste período, somos chamados a intensificar nossas orações. O nosso grande desafio, como jovens deste mundo moderno, agitado e barulhento, é vivenciar a oração em silêncio. Por isso, além das orações com nossa família e em comunidade, somos convidados a rezar em nosso quarto, local de deserto e de recolhimento.
Mais uma vez nas palavras do padre André Marmilicz: “Os fariseus gostavam de rezar em praças públicas, para serem vistos e elogiados. Era a oração de quem fazia de tudo para aparecer. Jesus condena essa atitude e pede aos seus seguidores que rezem em silêncio, no quarto, onde possa acontecer o verdadeiro sentido da oração: o encontro com Deus”.

Campanha da Fraternidade

É no contexto da espiritualidade quaresmal que se situa a Campanha da Fraternidade. Em 2016, a Campanha tem como tema “Casa comum, nossa responsabilidade” e como lema “Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca” (Am 5,24). O objetivo principal é “assegurar o direito ao saneamento básico para todas as pessoas e empenharmo-nos, à luz da fé, por políticas públicas e atitudes responsáveis que garantam a integridade e o futuro de nossa Casa Comum”.
Esta é uma Campanha ecumênica, na qual rezamos junto às outras Igrejas Cristãs, para que possamos assumir “a corresponsabilidade na construção de um mundo sustentável e justo para todos”. A CF é um momento forte de evangelização e, desde 1964, tem levado a Igreja no Brasil, durante a Quaresma, a fazer uma experiência viva de fraternidade. Esta experiência possibilita a todos os cristãos, mas principalmente aos jovens, encontrar um sentido mais concreto e prático ao seu sacrifício em jejum, à sua caridade praticada e à sua oração.

Iago Rodrigues Ervanovite, 23 anos, é advogado formado pelo Centro Universitário Salesiano de São Paulo (Unisal), secretário nacional da Pastoral da Juventude Estudantil (PJE) e membro da Coordenação da Pastoral Juvenil Nacional da CNBB. 

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

20ª edição do Festival da Juventude Salesiana do Nordeste


   De 13 a 15 de novembro foi realizada a 20ª edição do Festival da Juventude Salesiana, evento importante que reúne e celebra os frutos da caminhada do trabalho da Pastoral Juvenil em toda a Inspetoria Salesiana do Nordeste - de modo mais especial à Articulação da Juventude Salesiana (AJS), envolvendo assim grupos juvenis ligados aos Salesianos de Dom Bosco e às Filhas de Maria   Auxiliadora.
  
  Cerca de 1000 participantes inscritos tiveram a oportunidade de partilhar sua fé e caminhada com muita arte e alegria. Apresentações teatrais, musicais e de dança permearam toda programação, além de outras expressões artísticas e serviços, desenvolvidos e protagonizados pelos jovens.

  Toda a cobertura do evento foi feita por grupos ou jovens ligados à Articulação da Juventude Salesiana, em especial a Equipe Suporte, da AJS de Gramoré/Natal e Equipe de Comunicação da AJS de Fortaleza.

  Para aqueles que não conseguiram participar do evento, a Equipe Suporte de Natal  Gramoré e os jovens comunicadores fizeram a transmissão ao vivo dos principais momentos pelo blog da AJS Nordeste (www.ajsnordeste.blogspot.com). A Rádio Padre Cícero também realizou a cobertura de todo Festival.

  Do Ceará, jovens do colégio Juvenal de Carvalho, Salesiano Dom Bosco, além de instituições dos municípios de Baturité e Juazeiro do Norte, participaram do evento.

  Para a edição comemorativa aos 20 anos, o evento contou com a presença de todos ex-delegados para Pastoral Juvenil da Inspetoria, incluindo o padre Luigi De Liberali, que desde 2010 é missionário em Angola.

  Magno Xavier que é um Salesiano presente em Fortaleza e acompanhou os jovens cearenses durante o evento. Ele acompanha o festival desde 2005, e desde então, vê a cada ano o crescimento do Festival. “O Festival tem melhorado a cada ano. Antigamente era mais festa e nos últimos eles têm dado muita ênfase a importância da espiritualidade, com momentos de oração, adoração, missas mais participativas. Também tem o momento de festa com apresentações teatrais, de dança, que cada casa leva para apresentar, e um momento forte de espiritualidade”, disse o seminarista.

  Márcio Adalberto integra a AJS Fortaleza desde o início, em 2011, e sempre participou das edições do festival. “Vivenciar a experiência do festival é poder dar continuidade ao sonho do nosso pai e mestre Dom Bosco. É poder testemunhar o valor da juventude e mostrar que mudanças são possíveis e que, de fato, santidade é alegria”, afirmou Márcio.

De Fortaleza, foram 45 jovens, dentre eles três jovens com deficiência auditiva do Filippo Smaldone, instituição que oferece um atendimento educacional e de reabilitação a crianças e adolescentes com deficiência auditiva. Além disso, duas intérpretes acompanharam os jovens. Para o seminarista Magno Xavier, o entrosamento entre os jovens foi surpreendente. “Foi a sensação! Eles (do Felippo Smaldone) eram os únicos surdos, então ensinavam outras pessoas a linguagem de libras, outras pessoas chegavam para aprender. A gente pensava que eles teriam dificuldade de se relacionar, mas eles se relacionaram com todos muito bem”, disse. 

O resultado do festival foi tão positivo que os jovens já planejam organizar um evento em âmbito regional Ceará, para integrar os jovens de Fortaleza, Baturité e Juazeiro do Norte.

 


Roberta Farias com informações do Nordeste Hoje

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Fotos das Delegações! XX Festival da Juventude Salesiana

       Na manhã de domingo (15), ultimo dia do festival, as delegações participantes do evento se reuniram e tiraram sua foto Oficial, e nós registramos tudo!! 
Cada casa destacou-se pelas artes e cores de suas blusas, que traduziam em cada detalhe a identidade salesiana e o carisma de Dom Bosco.
Foi uma linda demostração de união, amizade e fraternidade e muita alegria em fazerem parte da Articulação da Juventude Salesiana do Nordeste.



‪#‎20FJS‬ ‪#‎juventudeSanta





ajsfortaleza.com - Articulação da Juventude Salesiana

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Missa em honra a Santa Teresinha do Menino Jesus 2015






No dia 01 de outubro,as 19h aconteceu uma linda missa na igreja matriz Nossa Senhora da Piedade em honra a Santa Terezinha do Menino Jesus, presidida pelo Pároco Pe. Americo de Vasconcelos foi uma celebração de muitas bençãos e lindas homenagens, contando com a presença de muitos paroquianos devotos da santa.Esse é sempre um período de comemoração na paróquia pois antes de ela ser igreja Nossa Senhora da Piedade ela era uma Capela dedicada a Santa Teresinha.

´´Passarei o meu céu fazendo bem sobre a terra.´´(Santa Terezinha)




quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Festa da Padroeira Nossa Senhora da Piedade 2015

    A Paroquia Nossa Senhora da Piedade celebrou entre os dias 11 e 20 de setembro a tradicional festa da sua padroeira tendo como tema “Maria mãe que abraça mãe que acolhe” e lema ”Com Maria somos conduzidos à caridade“. Marcando o início das comemorações ,Padre Amadeu hasteou a bandeira com a imagem da santa na frente da matriz . Logo após aconteceu a apresentação da Banda da PMCE – Major Xavier Torres, e em seguida o pároco Pe. Américo de Vasconcelos concedeu uma benção aos fieis ali presentes.

    Durante os festejos ,em cada noite ,como costume, acontecia a Santa Missa e o novenário em honra a Nossa Senhora da Piedade ,que contou com a presença de sacerdotes convidados como Pe. Denis, Pe. Wagner ,Pe. Almeida, Pe. Anízio ,Frei Jurandir,Pe. João Maria além do vigário episcopal ,Pe. Bezerra, e do arcebispo de Fortaleza Dom José Antôonio .Em cada dia da novena grupos e pastorais eram homenageados como noiteiros das celebrações fazendo com que todos paroquianos contribuíssem para essa linda festa.


    Na quadra Nossa Senhora Auxiliadora ao lado da igreja Nossa Senhora da Piedade houve, durante o período dessa belíssima homenagem à à mãe dos cristãos momentos culturais com apresentações de bandas ,brincadeiras e muitas comidas e bebidas que ofereceram alegria e conforto para todos que participaram da comemoração.

    No encerramento das festividades tivemos uma linda procissão pelo bairro Joaquim Távora até a igreja matriz, onde houve uma celebração presidida por Dom Edmilson e os padres Salesianos presentes em Fortaleza (Pe. Mauro Pe. Americo, Pe. Amadeu e Pe. Ricardo)Tendo a presença de centenas de fieis ,que após a missa se divertiram ao som de Luizinho Magalhães no espaço cultural da festa .

Em nome da Paróquia Nossa Senhora da Piedade agradecemos a todos que contribuíram para a realização dessa festa especialmente aos paroquianos! Muito obrigado a todos os grupos ,movimentos e pastorais:

-Pastoral Liturgia
-Pastoral do Batismo 
-Pastoral da Saúde 
-Pastoral Familiar 
-Pastoral do Dizimo
-Pastoral dos Noivos
-MESC
-Vicentinos 
-Travessa Guanabara
-Catequese 
-ADMA
-AJS
-Abrigo São Vicente
-Legião de Maria 
-Artesanato
-Coroinhas
-Oratório Dom Bosco
-Comunidade Missionaria Dom Bosco 
-Comunidade Maria José
-Projeto Saúde
-Apostolado da Oração 
-Radio Dom Bosco
-Irmãs Josefinas 
-Casa do Menino Jesus
-Lar Amigos De Jesus 
-Mont Tabor
-Terço dos Homens
-Grupos dos Terços
-Fillipo Smaldone
-Capela São Gabriel
-ECC
-Irmãs Concepcionistas




O Sonho - Ano II


A juventude salesiana de Fortaleza,  durante o "O Sonho"- Ano II  aprofundaram sobre a vida de Dom Bosco e a fundação da Congregação Salesiana através do Sonho Caramanchão de Rosas.

Confira as fotos em nosso facebook,  clique aqui.



ajsfortaleza.com - Articulação da Juventude Salesiana

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

SEMANA DE DOM BOSCO NA PAROQUIA NOSSA SENHORA DA PIEDADE

É com muita a alegria que a comunidade Salesiana de Fortaleza celebra o bicentenário do nascimento de Dom Bosco.

  A Paroquia Nossa Senhora da Piedade realizou nos dias 9 a 16 de agosto uma semana especialmente dedicada ao pai e mestre da juventude ,Dom Bosco, durante as festividades foi montada uma exposição sobre a vida do fundador da família salesiana onde todos que passaram por ela puderam conhecer e se encantar com a sua historia.
Na terça-feira dia 11 foi uma noite muito importante dedicada as vocações religiosas .No auditório do     Colégio Salesiano Dom Bosco tivemos três palestrante que falaram de diferentes tipos de vocações, a primeira foi Ir. Rita Souza FMA que além de falar sobre a vocação das Filhas de Maria Auxiliadora (FMA) e dos Salesianaos de Dom Bosco (SDB) também destacou caminhada de Dom Bosco e muitas características dele e da obra salesiana ,depois  Ir. Luzia Irmã Salesiana do Sagrado Coração , falou sobre as vocações de sua congregação e sobre a obra que desenvolvidas por elas através do Instituto Filippo Smaldone que acolhe e educa crianças e jovens surdos e para encerra a noite Marilza Costa Salesiana Cooperadora falou sobre a Comunidade Missionaria Dom Bosco (CMDB) fundada por ela ,contando com a presença de muitos jovens ligados a essa comunidade  que já tem 15 anos de existência.
Religioso que participaram da noite vocacional

      Na quadra Nossa Senhora Auxiliadora aconteceu na noite de quarta feira (12) um terço meditando e iluminado tendo como tema os passos da vida de dom Bosco o momento que contou com a presença de muitos paroquianos. Quinta feira(13)  tivemos uma forma diferente de celebrar o bicentenário de Dom Bosco, a Articulação da Juventude Salesiana AJS organizou o ´´ 1º Pedalando com Dom Bosco´´ passeio ciclístico pela cidade de fortaleza contando em seu itinerário pontos turísticos como  a Praça do Ferreira, Catedral Metropolitana ,Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, avenida Monsenhor Tabosa e Beira Mar foi um momento de muita alegria !

Saindo da paróquia na noite sexta feira (14) a acomemoração foi na Comunidade Missionaria Dom Bosco (CMDB) onde ela acolheu os proquianos com muita alegria e aconteceu a exibição do filme Dom Bosco. No dia 16 o grande dia do bicentenário foi o dia inteiro de comemoração com missas especiais pela manhã e terço da misericórdia e adoração na capela São Gabriel a tarde  seguida de uma procissão ate a matriz da paróquia Nossa Senhora da Piedade onde foi celebrada uma missa solene com a presença da relíquia de São João Bosco.


1º Pedalando com Dom Bosco

Exibição do filme Dom Bosco na CMDB


Terço meditado e iluminado

Espaço da AJS na exposição sobre Dom Bosco
Pe. Americo Vasconcelos e Pe. Orsini Linard
Procissão do bicentenário de Dom Bosco 

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

1º Pedalando com Dom Bosco


Em comemoração aos 200 anos de Dom Bosco,  aconteceu nesta quinta feira 13/08, o 1º Pedalando com Dom Bosco, os participantes se reuniram ás 19hrs na praça da Paroquia da Piedade, local onde foi realizado o  momento de oração e a benção com Pe. Américo,  que  em seguida o passeio ciclístico seguiu por alguns pontos turísticos de Fortaleza como: Praça do Ferreira, Catedral Metropolitana de Fortaleza, Centro Dragão do Mar, Aterro da Praia de Iracema e etc.
O evento teve o intuito de  unir a comunidade, e proporcionar um momento diferente de evangelização associado a atividade física.









ajsfortaleza.com - Articulação da Juventude Salesiana